A JORNADA

O Brasil é um país repleto de atrativos naturais e montanhas de tirar o fôlego. Com o crescimento da busca por esportes que promovam contato com a natureza e a saúde, maior divulgação e acesso às montanhas, a prática da atividade de montanhismo vem ganhando, cada vez mais, destaque e adeptos em todo o país.

Atualmente três Estados se destacam na concentração de montanhistas no Brasil: Rio de Janeiro, Paraná e São Paulo. Naturalmente o Rio de Janeiro concentra a maior parte dos praticantes do esporte, pois todo o Estado está repleto de montanhas, com rochas de excelente qualidade. Outros Estados como Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais e Espírito Santo, também contam com uma boa quantidade de praticantes e se destacam cada vez mais com grandes atrativos, até pouco tempo, pouco conhecidos para a prática do esporte.

Com toda essa popularização do montanhismo, em suas várias modalidades (trekking, hiking, escalada em rocha, escalada indoor, mountain bike, bikepacking, corrida de montanha, entre outros) e o crescimento exponencial de esportistas, é visível a necessidade de eventos educativos e formadores de melhores praticantes. O montanhismo é um esporte de aventura, que envolve riscos e atividades em áreas remotas, além de necessitar um mínimo de conhecimento para que seja praticado de forma segura. A melhor instrução de montanhistas leva a um menor impacto ambiental e a um menor risco para quem o pratica, gerando menos acidentes e resgates.

Muitas especialidades, como turismo, biologia, geologia, geografia, meteorologia, nutrição, educação física, entre outras, produzem trabalhos científicos específicos que são diretamente voltados às montanhas ou de grande interesse para os praticantes dos esportes que às envolvem. Visto isso, nunca houve um espaço onde esse tipo de trabalho pudesse ser apresentado, sendo o público o diretamente interessado em seus resultados e informações.

Nosso objetivo é proporcionar conhecimento e integração entre praticantes do montanhismo, com o propósito de contribuir para a formação de montanhistas mais conscientes e melhor preparados para a prática da atividade.